Ginecomastia

A ginecomastia é uma condição comum em homens de qualquer idade, resultado de alterações hormonais, condições de hereditariedade, doença ou utilização de certas medicações. A ginecomastia causa um desenvolvimento das glândulas mamárias, fazendo com que a região dos mamilos dos homens seja aumentada. É caracterizada por excesso de gordura localizada, desenvolvimento excessivo do tecido glandular ou uma combinação de ambos.

A redução de mama para homens é a correção cirúrgica desta patologia. Ela diminui o tamanho da mama e melhora o contorno do tórax como um todo.

Os adolescentes podem se beneficiar da cirurgia, embora outros procedimentos possam ser necessários, futuramente, devido à continuidade do desenvolvimento da mama. Em alguns casos, uma lipoaspiração pode ser mais recomendável. O médico avalia cada caso e indica um tratamento.

Em casos graves de ginecomastia, o tecido mamário em excesso pode fazer com que as mamas fiquem flácidas e a aréola alargada (pele escura ao redor do mamilo). Nestes casos, a posição e o tamanho da aréola são cirurgicamente melhorados e a pele em excesso é retirada.

Em muitos casos, os resultados finais da redução da mama em homens são permanentes. No entanto, um peso estável e a retirada de drogas desencadeantes de desequilíbrio hormonal são essenciais para a manutenção dos resultados.

Fonte: Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica

Contato

Preencha o formulário abaixo para tirar dúvidas ou agendar uma consulta na Clínica Parente.