Implantes faciais

Os implantes trazem equilíbrio e melhor proporção para a aparência estrutural da face. Definem o rosto, aumentam a projeção e criam características mais distintas. Embora qualquer área da face possa ser aumentada com implantes, as maçãs do rosto, o queixo e a mandíbula são os locais mais comuns para colocação dos implantes.

A cirurgia é melhor realizada em pessoas cuja cabeça e crânio atingiram a maturidade física, o que ocorre, geralmente, no final da adolescência.

Os implantes são confeccionados a partir de material biocompatível e projetados para melhorar ou aumentar a estrutura física do rosto. O tipo e o tamanho precisos são definidos após a avaliação dos objetivos realizada pelo cirurgião.

É importante lembrar que nenhum rosto é simétrico, e o resultado também não será de total simetria. O objetivo é apenas criar equilíbrio e proporção.

As incisões são fechadas com suturas absorvíveis ou pontos que são removidos dentro de até duas semanas após a cirurgia. O resultado é visível quase imediatamente, mas é obscurecido pelo inchaço. Leva vários meses para a condição desaparecer completamente.

O paciente deve tirar todas as dúvidas sobre o procedimento com o cirurgião plástico. É natural que sinta um pouco de ansiedade, seja pela expectativa com o resultado ou pelo estresse pré-operatório. A sensação passa com o decorrer do tempo.

Fonte: Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica

Contato

Preencha o formulário abaixo para tirar dúvidas ou agendar uma consulta na Clínica Parente.